segunda-feira, janeiro 08, 2018

Restaurante Alma

Durante as férias do Natal, experimentei um restaurante Michelin em PT, pela 1a vez. A escolha foi também condicionada por estar aberto à hora do almoço no dia 26, quando ainda está tudo meio ensonado e enebriado dos festejos Natalícios.
Fomos então conhecer o Alma, de Henrique Sá Pessoa. Fica logo ao lado da 1a loja d'A Vida Portuguesa, que também nunca tinha visitado, tantas coisas giras, que orgulho!
 Escolhemos um menu de cada, o Alma e o Costa a Costa. E há sempre as mimosices antes e durante, para além do anunciado.
crocante de tapioca com alga combu, maionese de ostra - interessante e agradável
sopa de gaspacho com gel de poejo -  estranho, principalmente pela textura do gel
bacalhau marinado com pickle de cebola e caviar de azeite - fresco, o azeite é sempre engraçado quando apresentado de maneira diferente do habitual
pimento vermelho com tinta de choco, mousse de pimento vermelho - pimento em várias texturas, bom
gamba com pó de framboesa, sumo de lima, framboesa - suave e fresco
vieira com leite de tigre, puré de guacamole e grãos de quinoa - adoro vieiras em qualquer formato, os grãos de quinoa eram curiosos
A - cenouras assadas, queijo de cabra, bulgur de frutos secos, azeite de cominhos
CaC - cavala, beringela, pimentos assados, pão seco, maionese de paprica fumada
A - escalope de foie gras, maçã, granola, amêndoa, café
A - polvo assado, romesco, casca de batata, alcaparras, paprica fumada
CaC - lula, grão, tomate confit, acelgas e caldo de lula - dispensava o caldo
CaC - camarão vermelho, açorda, alface do mar, bisque emulsionada com erva-príncipe
A - leitão confitado, puré de batata-doce, pak choi, jus de laranja - não costumo gostar de porquinho mas estava bom
CaC - robalo ao vapor com arroz de amêijoas à Bulhão Pato, codium

pré-sobremesa: sorbet de manjericão, merengue de lima e maçã granny smith - sabe a pizza? :P muito fresco

A - tarte tatin de maçã granny smith caramelizada, sorvete de toranja e baunilha
CaC - mar e citrinos, sorvete de yuzu, algas cristalizadas

E depois com o chá uma versão de creme de pastel de nata escondido numa bolinha "ferrero rocher", chocolate trufa e já não sei mais o quê.

Um almoço sobrecarregado de sabores, texturas e efeitos visuais, de 3.5h... o querer experimentar tudo pode ter o efeito secundário de ficar "overwhelmed" e até "confuso"... gostei, não gostei?
Claro que gostei, depois com mais calma a digerir a experiência, relembrar as fotos e sabores.
Serviço impecável e profissional, como esperado, também servem à carta e estava cheio de turistas.
Não deu para revisitar Lisboa com calma, mas todos dizem que está melhor e muito visitada, mais cuidada e interessante.
Não deu para sentir a nova Alma de Lisboa mas deu para provar o Alma em Lisboa :)

1 Comments:

At 11:16 da manhã, Blogger Love Adventure Happiness said...

Também gosto muito e o Ricardo amou o pastel de nata, ate pediu outro hahaha...

 

Enviar um comentário

<< Home